Voltar à Home Page
PLACAS CIMENTÍCIAS
CONSTRUÇÃO SECA
Introdução
Gesso acartonado
Placas cimentícias
Sites Indicados
As placas cimentícias são componentes produzidos industrialmente, com alto padrão de qualidade e prontas para o uso na obra. Têm como materiais básicos o cimento e agregados minerais leves (como por exemplo, a perlita, um agregado leve, resistente e durável), podendo também conter aditivos.

A resistência à flexão das placas é garantida com a colocação de uma tela de fibra de vidro em ambas as faces, durante o processo de produção. Esta tela tem a finalidade de absorver e distribuir as tensões às quais a placa esteja submetida. Desta maneira, evita-se o surgimento de fissuras provocadas, por exemplo, pela variação de temperatura, garantido-se assim, uma maior durabilidade do produto acabado.


Sistema de Construção a Seco - Knauf do BrasilEstes componentes são utilizados em situações onde se requer maior resistência a impactos e à ação das águas, como o requerido para as fachadas. Podem, no entanto, ser utilizadas para fechamento de ambientes internos (cozinhas, banheiros, saunas, etc.) conforme requisitos de projeto.



A estrutura metálica das paredes é formada por guias (peças horizontais fixadas no chão e teto) e montantes (peças verticais com espaçamento apropriado), que são colocados no interior das guias, formando-se assim, um quadro estável e seguro. Pronta a estrutura metálica, procede-se à instalação de enventuais componentes elétricos, hidráulicos, etc., conforme requerido em projeto de instalações, efetuando-se em seguida, o fechamento da parede e tratamento das juntas.

Sistema de Construção a Seco - Knauf do Brasil As placas cimentícias são fixadas à estrutura por meio de parafusos especiais e as juntas são tratadas com fita e massa apropriadas, garantindo a estanqueidade final da parede, assim como, uma superfície plana e uniforme, pronta para receber o acabamento final. Para um melhor desempenho térmico e acústico, procede-se à instalação no interior da parede de lã mineral de vidro ou rocha, conforme requisitos de projeto.



Independente do fabricante, as paredes constituídas por placas cimentícias oferecem várias vantagens, quando comparadas com as paredes tradicionais, constituídas por exemplo, por tijolos cerâmicos.

Abaixo estão listadas algumas vantagens:

Velocidade na execução das paredes em fechamentos externos ou internos, tendo como conseqüência, um aumento de produtividade;

As placas são leves e de fácil manuseio;

Ganho de área útil, em função da menor espessura das paredes;

Pequena geração de entulho;

As instalações elétricas, hidráulicas, entre outras, são executadas no interior das paredes e antes do fechamento das mesmas, facilitando e agilizando estes trabalhos, assim como, eliminando a perda de materiais;

Elevada resistência a impactos e ação da umidade;

Redução de cargas nas estruturas e fundações, devido ao menor peso por m² de parede acabada;

São incombustíveis;

Podem ser utilizadas na execução de pisos entre outras aplicações;

Ótimo acabamento das paredes montadas, estando prontas para receber os revestimentos finais, tais como: azulejos, granito, mármore, siding de PVC, etc;

É interessante notar que cada fabricante possui seus sistemas e componentes padronizados, devendo projetistas e construtores seguir as especificações dos mesmos, evitando-se assim, a perda de garantia dos componentes.

Por sistema deve-se entender o fornecimento das placas cimentícias e toda a linha de componentes e ferramentas necessárias à execução de uma parede, tais como: perfis metálicos, parafusos de fixação, buchas, massas para juntas, furadeiras e parafusadeiras, espátulas, estiletes, etc. A Knauf do Brasil e a Placo do Brasil são fabricantes de Sistemas de Construção a Seco, portanto, fornecem todos os materiais necessários à execução de paredes e tetos.

Jorge Henrique Pezente
Engenheiro Civil
www.escolher-e-construir.eng.br
sobe